terça-feira, 12 de julho de 2016

ALÉM DO PEDALAR

               Quando o ciclismo entrou em minha vida, pensei que conhecia tudo sobre andar de bicicleta. Pois, desde adolescente que pedalo, porém ser ciclista amador (como me defino), é um passo importante que requer além do saber pedalar, conhecer a bicicleta e tudo o que precisa se conhecer para fazer dela uma companheira, não somente nas horas que precisamos fazer pequenas coisas e também percorrer grandes distâncias.
             


       Ter conhecimento em pedalar foi um passo importante para que hoje pudesse fazer do ciclismo um meio bem particular para fazer amigos e conhecer lugares. A grande satisfação na verdade é colher os frutos que o esporte pode proporcionar, o condicionamento físico e a grande ajuda em poder ser um canal de alívio para as coisas que acontecem na vida. 
        Busco sempre fazer da prática esportiva uma meta que impulsiona a vencer desafios pessoais. O primeiro desafio que venci foi poder ir de casa para o trabalho pedalando, pois o trajeto é bastante difícil uma vez que não há ciclovia ou faixas para a segurança e isso fez com que, vencesse meu medo de ir além da minha limitação. 

          Com frequência mantenho a prática esportiva um nível acima do lazer, busco levar com seriedade o que faço, mesmo não fazendo competições estou sempre aprimorando o conhecimento sobre o que faço, pois não basta somente pedalar, precisamos também conhecer a mecânica, a postura, e a funcionalidade da bicicleta, uma vez que estando só na prática esportiva, preciso saber fazer manutenção emergencial como, trocar uma câmara de ar furada, ajustar freios, ver altura do selim para poder melhorar o desempenho e a própria saúde, além manter a bicicleta sempre pronta pra novos desafios. 

       Sou uma pessoa que vivo intensamente o que gosto de fazer, e por isso busco cada vez melhorar meu ritmo, e a experiência em pedalar. Pois com segurança não se brinca, e não deve-se descuidar. Sabemos que, muitas vezes não é culpa do ciclista o acidente que acontece, porém tentamos amenizar as consequências de algo que nos venha acontecer. 
      Andar com segurança requer não somente o cuidado pessoal com os acessórios, mas também cuidado com tudo e todos no caminho, pois a segurança minha depende do que posso fazer pela segurança das outras pessoas. 
          Quem pratica o ciclismo sabe o prazer de pedalar e seguir adiante, de não ficar preso no trânsito, de sentir a brisa do vento, o cheiro da natureza. Os pingos da chuva, o sol forte, enfim estar não a contemplar somente a natureza mais poder de todas as formas senti-la. Isso faz toda diferença. Seja na praia, nas trilhas ou área urbana, são momentos únicos que ficam na memória de todos que amam o ciclismo. 

Texto: Josenilson Araújo
Fotos: Arquivo pessoal