quinta-feira, 25 de agosto de 2016

PEDALAR E CUIDADOS PESSOAIS

Poder pedalar é conquistar um tipo de liberdade que gera antes de tudo satisfação consigo mesmo e com o esporte que escolheu. Sim um esporte. Mas assim como todo esporte alguns cuidados devem ser tomados para aproveitar melhor o esporte.
Ouvi relato de pessoas que ao participar de um passeio ciclístico realizado recentemente, dias após o evento sentiram um incomodo por ter pedalado. Dores nas pernas, sensação de assaduras entre as pernas e outras coisas relacionadas a prática esportiva.
Também constatei que, muitas dessas pessoas não tem a atividade como principal exercício e, por isso mesmo não usaram roupas adequadas a prática do esporte.
Por isso mesmo, não custa lembrar. Todo exercício tem a roupa apropriada pra ser praticado. O ciclismo é uma modalidade que possuí particularidades essenciais ao conforte e segurança do praticante. As pessoas devem utilizar roupas leves, calças ou bermudas apropriadas para a prática que, por exemplo sejam confortáveis e que tenham proteção como forro de espuma para evitar o atrito e compressão da virilha e órgãos internos que compõem o aparelho urinário e sexual. 
Não esquecer luvas para as mãos, capacete, óculos e tênis apropriado para a prática esportiva, fazendo assim um conjunto que pode até não evitar os tombos ou quedas, mas que ameniza as consequências se por ventura isso venha a acontecer. 
Outro ponto que não custa lembrar é o ajuste da própria bicicleta para a pratica do esporte, como a altura do selim e a manutenção e limpeza da bike e dos componentes. 
Ajuste dos freios, dos passadores das marchas, e também os equipamentos de sinalização noturna como piscas, lanternas e faixas refletivas. 
Se as pessoas tivessem uma mínima noção desses pontos evitariam contusões ou problemas mais sérios à saúde. 
O importante também é todos nós estarmos atentos a isso e repassar para as outras pessoas que querem iniciar na prática esportiva esses cuidados. Pois afinal de contas, fazer o esporte é também partilhar o que de bom recebemos e conhecemos. 

Texto: Josenilson Araújo
Fotos: Arquivo pessoal